fbq('track', 'AddPaymentInfo'); fbq('track', 'InitiateCheckout'); fbq('track', 'Lead'); fbq('track', 'ViewContent'); fbq('track', 'Purchase', {value: 0.00, currency: 'USD'});
top of page

Exercitando a fé para tomar posse - Parte Final


“A benignidade do Senhor vai além dos Céus e a sua fidelidade está além das nuvens.” (Salmos 36:5)


Quando falamos de céus e nuvens, prontamente pensamos em coisas próximas. Porém, há uma distância muito grande entre um e outro. Quando podemos ver as nuvens, estamos dizendo: Ali está a bondade de Deus. E, quando os céus estão limpos, sem nuvens, podemos afirmar: A benignidade está além do que eu posso ver. Então, une-se a benignidade, que fala da graça, e a bondade, que fala do amor.


Na parte final desse estudo, vamos aprender sobre:


2. Lembrar de tomar posse do que crê


Vivemos sempre em busca de alvos, de grandes projetos e desafios na vida pessoal, familiar, secular, Visão Celular no Modelo dos 12. Muitas coisas estão acontecendo diante dos nossos olhos, porém o que é mais importante é a disposição no coração para receber. A benignidade do Senhor se estende além dos céus. Este é um tempo de graça, de unção, de liberar de bênçãos. É um desatar no sobrenatural, além do que vemos, daquilo que cremos (2 Coríntios 5:7).


Estamos vivendo o ‘tempo do milagre’. Porém, se não honrarmos as coisas que vemos – fidelidade (nuvens) – como receberemos as que não vemos? Deus não separa fé e fidelidade. São duas coisas da mesma raiz e essência. O que precisamos é tomar posse do que Ele está-nos ministrando. A pergunta básica é: como tomar posse? Enchendo o coração da confissão das promessas de Deus


Existem promessas sem fim na Palavra de Deus. Porém, cada uma tem uma necessidade específica. Quais são as suas necessidades? Enumere-as! Apresente-as a Deus! Faça perceptível a sua necessidade diante de Deus. Faça conhecida a sua necessidade diante do Pai, confessando-a diariamente a Ele (Efésios 10:23). Podemos ter a certeza, da parte de Deus, de que tudo aquilo que está em linha com a Palavra de Deus e que estamos clamando a Ele para recebermos, será respondido prontamente. Deus é um Deus de fidelidade. Ele é fiel.


3. Pedir corretamente


Para tomarmos posse do que estamos pedindo, precisamos entrar corretamente diante do Trono de Deus, sabendo exatamente o que queremos, ou seja, pedindo corretamente. “Pedis e não recebeis, porque pedis mal, para o gastardes em vossos deleites.” (Tiago 4:3)


Pedir corretamente não significa pressionar Deus, até porque isso seria impossível, ainda que alguns tentem fazê-lo. Mas significa exercitar a fé e começar a entender o nosso direito de posse pela Cruz do Calvário (Colossenses 2:12-14).


Jesus já conquistou tudo por nós. Em Cristo, nós temos o Amém, ou seja, está tudo pronto. Não devemos pedir irresponsavelmente, mas de forma verdadeira e com o coração voltado para as promessas.


4. Lembrar diariamente da promessa de Deus


Em Isaías 43:26, Deus diz: “Vem e lembra-me das promessas que eu te fiz”. Essa é uma chamada irrevogável. Deus quer nos abençoar, por isso precisamos entender essa verdade bíblica e nos apossarmos dela.


Deus é Galardoador daqueles que O buscam (Hebreus 11:6). Ele é prazeroso em nos ministrar bênçãos. Não negará bem algum aos que andam na retidão (Salmos 84:11). Então, Ele nos estimula a lembrá-lO das promessas que nos fez, e assim se cumprirá a Sua promessa nas nossas vidas. Ele não mente, nem é filho de homem para que se arrependa (Números 23:19). O que Ele prometeu, cumprirá.


Se você buscar andar exercitando a sua fé, certamente, Deus desatará sobre sua vida uma unção de sabedoria. Virão dias tão abençoados que você precisará de inteligência administrativa para não desperdiçar as bênçãos. Então, saiba e creia que precisamos exercitar a nossa fé e tomar posse do que cremos.


O Senhor quer estabelecer o tempo da fidelidade, da nuvem, e da benignidade, da fé, um exercício para as conquistas. Deus nos dará algo tão grande, que a nossa capacidade humana não terá condições de administrar sem Ele. Ele é Fiel! “A Sua fidelidade vai além das nuvens e a Sua benignidade além do céu.”


540 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page