fbq('track', 'AddPaymentInfo'); fbq('track', 'InitiateCheckout'); fbq('track', 'Lead'); fbq('track', 'ViewContent'); fbq('track', 'Purchase', {value: 0.00, currency: 'USD'});
top of page

UMA IGREJA NO MOVER DO ESPÍRITO SANTO - Parte 20


“Quem vive segundo a carne tem a mente voltada para o que a carne deseja; mas quem vive de acordo com o Espírito, tem a mente voltada para o que o Espírito deseja. A mentalidade da carne é morte, mas a mentalidade do Espírito é vida e paz.” (Romanos 8:5,6)

 

O que está faltando na igreja? A necessidade da unidade de espírito para que o propósito se cumpra. Não há como ter êxito com a mente dividida. Geralmente, quando as pessoas se acostumam com a presença dEle e com a Sua instrução, perdem a atenção do próximo passo.

 

Quem aqui não foi distraído nisto: Quando novidades surgem e, de repente, estamos fora do foco dando atenção a coisas que não deveriam ter nosso respeito; são sementes de Satanás entrando na mente da igreja e colocando concupiscências e contaminando a essência.

 

Veja este alerta: “Não ameis o mundo, nem o que no mundo há. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele. Porque tudo o que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida, não é do Pai, mas do mundo. E o mundo passa, e a sua concupiscência; mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre.” (1 João 2:15-1)

 

 

PRECISAMOS TEMER A DEUS

 

São tantas solicitudes que entram as propostas humanas e ocupam o mover de Deus na nossa vida. Tenho ido em ambientes onde o povo de Deus está e a Presença não está presente; tudo é feito no automático, sem o temor devido ao Seu Santo Nome e a linguagem está contaminada.

 

“Não vos enganeis: as más conversações corrompem os bons costumes. Vigiai justamente e não pequeis; porque alguns ainda não têm o conhecimento de Deus; digo-o para vergonha vossa.” (1 Coríntios 15:33,34)

 

Se observarmos os danos por causa de uma palavra maldosa expressada e a liberação de “falsas profecias”, notamos o quanto essas coisas fazem com que o propósito do Reino perca a cadência da conquista.

 

A obra do Espírito não se move fora dos valores e não se consolida distante dos princípios. Então, uma vez entristecido, como o Espírito Santo poderá restaurar os que dEle precisam? Assim como conversas que trazem confusões na mente dos fiéis, por certo, depõem contra a obra do Espírito Santo.

 

Paulo ensina à igreja, no livro de Gálatas, mostrando que a falta de maturidade espiritual cria uma atmosfera de medo e insegurança, e ministra ao coração dos fiéis para não entrarem em doutrinas desconhecidas nem ensinos que fujam do foco. JESUS É O CENTRO DO PROPÓSITO.

 

Para isso, o Espírito Santo veio para nos lembrar desta instrução maravilhosa: “Tenho-vos dito isto, estando convosco. Mas aquele Consolador, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas, e vos fará lembrar de tudo quanto vos tenho dito.” (João 14:25,26)

 

Uma das maldições mais terríveis que vemos na Bíblia é quando se semeia contenda entre os irmãos; a Bíblia chama de coisa abominável pelo Senhor. “Estas seis coisas o SENHOR odeia, e a sétima a sua alma abomina: Olhos altivos, língua mentirosa, mãos que derramam sangue inocente. O coração que maquina pensamentos perversos, pés que se apressam a correr para o mal. A testemunha falsa que profere mentiras, e o que semeia contendas entre irmãos.” (Provérbios 6:16-19)

 

Agora, como o Espírito Santo poderá agir em meio a um povo que gasta mais tempo ocupado com a vida dos outros e denegrindo a história de tantos? Essa pessoa não poderá desfrutar da presença do Senhor nem ser respaldada na obra do Espírito, pois está fazendo a rota contrária ao que a Palavra ensina quando, na verdade, a linguagem deve manter o padrão do Reino. “Linguagem sã e irrepreensível, para que o adversário se envergonhe, não tendo nenhum mal que dizer de vós.” (Tito 2:8)

 

 

Continua...

778 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

コメント


bottom of page