O Lenhador - Heber Telles


Certa vez, um velho lenhador, conhecido por sempre vencer os torneios que participava, foi desafiado por um outro lenhador jovem e forte para uma disputa. A competição chamou a atenção de todos os moradores da localidade. Muitos acreditavam que finalmente o velho perderia a condição de campeão dos lenhadores, em função da grande vantagem física do jovem desafiante.


No dia marcado, os dois competidores começaram a disputa, na qual o jovem se entregou com grande energia e convicto de que seria o novo campeão. De tempos em tempos, olhava para o velho e, às vezes, percebia que ele estava sentado. Pensou que o adversário estava velho demais para a disputa, e continuou cortando lenha com todo vigor.


Ao final do prazo estipulado para a competição, foram medir a produtividade dos dois lenhadores e, pasmem! O velho vencera novamente, por larga margem, aquele jovem e forte lenhador.


Intrigado, o moço questionou o velho:

- Não entendo, muitas vezes quando eu olhei para o senhor, durante a competição, notei que estava sentado, descansando, e, no entanto, conseguiu cortar muito mais lenha do que eu, como pode?!


- Engano seu! Disse o velho. Quando você me via sentado, na verdade, eu estava amolando meu machado. E percebi que você usava muita força e obtinha pouco resultado.


Essa parábola nos ensina uma importante lição que podemos aplicar enquanto empreendedores. Muitas pessoas acreditam que o sucesso é resultado apenas do fazer. Essa história nos mostra que PARA EMPREENDER é fundamental se preparar para fazer!


Então, o que impede esta preparação para o avanço? Os nossos PARADIGMAS!


Os paradigmas são modelos ou padrões de comportamentos que nos permitem interagir com o mundo exatamente conforme o modelo estabelecido, programado. São formados pelas ideias, crenças, emoções e atitudes que ao longo da nossa vida incorporamos a nossos esquemas mentais. Estes modelos ou padrões estabelecem limites em nossas vidas, trabalhos, profissões, enfim... em todas as nossas ações diárias. Os paradigmas são programados em diversos momentos da nossa vida e estão relacionados diretamente ao processamento dos comandos recebidos, por exemplo: Se um pai entra em uma sala de aula convencional com uma criança de 3 anos e diz pra ela:


- Filho, olha que lindo para você brincar! Divirta-se, aproveite tudo com muita alegria!


Com um sorriso e um beijo aquela criança entra na sala, suspira e começa a brincar.


Agora, se um outro pai entra na mesma sala de aula com o seu filho de 3 anos e diz:


- Filho, isto é uma sala de aula! Pelo amor de Deus cuidado com as cadeiras, com a mesa, com os equipamentos. Ah, cuidado com aquele vidro, não toque em nada, não mexa nas coisas. Melhor é você ficar quieto que já volto. Ele olha sério para o filho, aperta seus bracinhos e sai da sala.


Perceba a programação: Para uma criança, aquela sala se tornou um parque de diversões. Para a outra, uma prisão. O mesmo ambiente, os mesmos utensílios, tudo da mesma forma, PORÉM, uma programação diferente recebida cria um esquema mental e gera uma reação diferente nas crianças citadas.


No nosso dia a dia nos foi passado que Empreender é difícil, que se perde dinheiro, que se paga imposto e tem muita dor de cabeça. Muitas pessoas perderam negócios milionários porque tiveram medo (mais uma programação mental) de investir alguns reais. Este é apenas um exemplo. Agora, imagine quantos paradigmas foram estabelecidos no decorrer das nossas vidas que nos impediram de avançar.


Bem, quebrar estes paradigmas é o nosso, o meu e o seu desafio. Estabelecer novos padrões é como ir à academia, aprender uma língua, ou começar uma dieta: Exige CONTINUIDADE para desfrutar de um resultado desejado. O processo sempre fará parte da jornada de sucesso. Infelizmente, muitos desistem no processo.


Pequenas e sábias ações podem destravar esta mentalidade trazendo O NOVO para gerar novos resultados, e aqui no SER compartilharemos algumas delas, tão simples e tão essenciais. Processos enraizados serão desfeitos e uma nova visão será estabelecida.


Saberemos distinguir que a CRENÇA é uma programação mental e que a FÉ é uma posição espiritual. O empreendedor de hoje precisa saber usar estas duas armas.


Romper paradigmas e desfrutar de novidades celestiais! Este é o nosso destino!


Bem-vindos ao SER!


Bem-vindos ao lugar de CRESCER!


Bem-vindos ao tempo em que para SER quem eu quero precisarei DEIXAR de SER quem sou. Odres novos para o conteúdo novo!


Deus te abençoe!





Heber Telles


3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo